EUTIMIA apresenta resultados dos projetos PrimeDep e WhySchool no Porto

Decorreu no passado dia 12 de abril, no SAOM — Serviços de Assistência Organizações de Maria, no Porto, a sessão pública de encerramento dos projetos PrimeDep e WhySchool.

Ricardo Gusmão, presidente da EUTIMIA – Aliança Portuguesa Contra a Depressão em Portugal, abriu a sessão e apresentou os resultados preliminares do projeto PrimeDep.

Seguiu-se a intervenção de Lars Mehlum e Rui Cernadas.

Lars Mehlum é psiquiatra e psicoterapeuta, diretor fundador do Centro Nacional de Investigação e Prevenção de Suicídio do Instituto de Medicina Clínica da Universidade de Oslo, na Noruega, e consultor internacional nos dois projetos Primedep e WhySchool. Rui Cernadas é Vice-Presidente da ARS (Administração Regional de Saúde) do Norte.

Depois seguiu-se a apresentação dos resultados preliminares do projeto WhySchool e, para terminar, nova intervenção de Lars Mehlum, desta vez acompanhado por Henrique Barros, Professor Catedrático de Epidemiologia da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto.

No dia anterior, 11 de abril, realizou-se uma sessão pública, dirigida a estudantes do ISPUP – Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, com o tema ‘Epidemiologia das doenças mentais em crianças e adolescentes’.

A abrir a sessão, Ricardo Gusmão, moderator, lançou o tema ‘A falta de informação em Portugal’ e apresentou os oradores: Lars Mehlum, que abordou o tema ‘Estudos epidemiológicos sobre saúde mental e comportamentos suicidas são importantes?’, Henrique Barros, que interviu com o tema ‘Para compreender o processo da saúde: envelhecimento num grupo específico (cohort) e Ping Qin, investigadora em áreas como epidemiologia de comportamento suicida e doenças psiquiátricas, que falou sobre ‘O potencial dos dados de registo da população para a pesquisa na área da saúde mental’.

Esta sessão decorreu no ISPUP.